Arquivos do Blog

Herói da comunicação da igreja: Hudson Taylor

Eu me tornei obcecado com o quimono. Essa vestimenta tradicional japonesa usada por homens e mulheres, usada também na china. Independentemente de suas origens, o quimono tem estado na minha cabeça ultimamente.

Aqui está o porquê.

Hudson Taylor foi um missionário americano na China no final do século 19. Taylor era um homem que pensava e vivia de forma diferente. Taylor não foi um missionário habitual. Ele não queria apenas ir para contar a história do Evangelho a um grupo de pessoas, ele queria incorporar a vida de Jesus na frente da China.

Este desejo levou Taylor a evitar o traje padrão ocidental, ele veio em favor de vestir o terno e gravata do mundo chinês: o quimono.

Boom.

Em um movimento, Taylor ganhou mais credibilidade cultural do que em 100 anos de pregação. Para os chineses, ele se tornou “um de nós.”

Taylor era inteligente. Ele sabia que para ser aceito na cultura ele deveria falar a mesma linguagem. Taylor se comunicou através de sua vestimenta, “Estou aqui para compartilhar uma mensagem com vocês, mas eu também estou aqui para aprender. Eu quero que isso seja uma rua de duas vias. Vocês podem confiar em mim. ”

Precisamos ser mais como Hudson Taylor. Precisamos olhar ao redor e encontrar os kimonos de nossa cultura e começar a usá-los. Nós podemos não querer mudar a maneira como fazemos as coisas. Tenho certeza de que Hudson Taylor nunca disse para si mesmo: “Rapaz, esses mantos de seda fluindo com certeza me fazem parecer mais viril!” Mas fazemos isso por causa do que ele comunica as pessoas ao nosso redor.

Por exemplo, meus kimonos são na sua maioria digitais. Ter um perfil no Facebook é um kimono. Blogar sobre meus problemas com Fred Phelps é um kimono. São coisas simples e que fazem as pessoas terem perguntas.

Vestir o kimono é uma demonstração de humildade, humildade que diz: “Eu quero te dizer sobre alguém que pode mudar sua vida. Eu também quero ver quem você é. Espero que eu possa compartilhar o mesmo. Eu não estou aqui para falar com você, estou aqui para compartilhar minha vida com você. ”

Fonte: Church Marketing Sucks

Anúncios

A Igreja vai para as ruas

Assista outras pregações de Ronaldo lidório em nosso site.

%d blogueiros gostam disto: