Arquivo mensal: setembro 2012

As primeiras impressões são virtuais

No verão passado, minha família saiu de férias com os meus sogros para Branson, Missouri. Quando chegou o domingo ficou claro para mim que, por ser o pastor na família, eu deveria escolher uma igreja para a gente visitar. Eu não conhecia as igrejas na área por isso eu recorri ao Google “igreja Branson.”

Eu me encontrei olhando através de cerca de 30 sites, gastando em média, apenas 15 segundos em cada um. Estes 15 segundos foram as primeiras impressões. As primeiras impressões não são mais físicas, mas virtuais. Antes de ser cumprimentado na porta da igreja, os visitantes já entraram no site da igreja.

Finalmente eu reduzi minhas opções de escolha baseado em sites que responderam algumas incógnitas que gostaria de experimentar no domingo. Muitas igrejas respondem a estas incógnitas através de um “Visitantes”, “O que esperar,” FAQ ” ou através de todo o seu website. Precisamos ajudar a responder perguntas e remover qualquer coisa que impeça um visitante de assistir nossos cultos.

Os requisitos para seu site passar uma boa impressão:
Como é o pastor? É altamente provável que a igreja vai assumir o caráter do pastor. Como ele é? Quantos anos ele / ela tem? 35 ou 65?

Qual o tamanho da igreja? É bom fornecer uma foto / vídeo que mostre o espaço de culto principal. É uma igreja de 50 pessoas ou 1.050 pessoas? Moderna ou tradicional?

O que devo vestir? Ninguém quer aparecer em um terno quando todo mundo está vestindo shorts e sandálias. Deixe-os saber o que o pastor vai usar.

O que acontece em um culto? Qual é o formato e quanto tempo irá durar? Qual e como é a musica?

O que meus filhos fazem? Eles participam do culto? Existe algo que atinge-os especificamente? E se há programação infantil, onde é?

 Como faço para chegar em sua igreja? Forneça um endereço, mapa, o link para o Google Maps. Diga às pessoas onde podem estacionar.

Que estratégias tem usado sua igreja para ajudar a responder as incógnitas? O que você incluiria nesta lista?

Fonte: Church Marketing Sucks

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: